quinta-feira, 17 de abril de 2014

D1 – 2° ANO: Conceitos Taxonômicos




D1 – Identificar as principais características usadas na organização do sistema de classificação taxonômica dos seres vivos.

1ª Questão. (FEPAR-PR) A diversidade biológica deve ser tratada mais seriamente como um recurso global. Atualmente encontram-se aproximadamente 1,4 milhões de espécies descritas dentro de um universo estimado entre 5 e 30 milhões de espécies (Wilson, 1997). Estima-se que 20% das espécies do planeta estão em território brasileiro. Grande parte dessa diversidade está se perdendo irreversivelmente sem que se possa fazer uma estimativa precisa simplesmente pelo fato de que a grande maioria delas ainda não foi descrita. A cada dia novas espécies são descobertas e descritas. Para que a classificação destas espécies seja uniforme, convencionou-se uma série de regras que deverão ser respeitadas por todos os cientistas. As alternativas a seguir referem-se às principais regras internacionais de classificação. Assinale a incorreta:

a) Uma subespécie ou raça terá nomenclatura trinomial.
b) O termo que indica o gênero será binomial e escrito em tipo itálico ou sublinhado.
c) O termo específico ou segundo termo deverá ser escrito com inicial minúscula.
d) Todos os nomes científicos devem ser escritos em latim.
e) Têm prioridade os nomes científicos apresentados em primeiro lugar.

Resposta: a alternativa correta:  Letra B

EEM Flávio Rodrigues COMENTA:

O termo que deve ser binomial é a espécie e não o gênero. Não esqueça que o nome científico de uma espécie deve ter no mínimo dois nomes, o primeiro designa a unidade de classificação gênero e o segundo a unidade de classificação espécie.

02ª Questão – (UFPE) Para a classificação dos seres vivos, os cientistas baseiam-se em características importantes, envolvendo o plano de organização corporal, composição química das proteínas e dos genes. Com base nesses critérios avaliem, as proposições abaixo, assinale a alternativa incorreta.

a) Os seres vivos que, originalmente eram agrupados em dois Reinos (Vegetal e Animal), são, atualmente, divididos em cinco Reinos: Monera, Protista, Fungo, Vegetal e Animal.
b) Os Vírus estão excluídos dos Reinos propostos por Whittaker porque são acelulares.
c) A Espécie é a unidade taxonômica básica do sistema de classificação biológica e deve ser grafada com destaque dentro do texto e precedida pelo nome genérico.
d) Euraphia rhizophorae, Crassostrea rhizophorae e Crassostrea brasiliana' são espécies de invertebrados que vivem em estuários. Com base nos princípios da nomenclatura biológica, podemos concluir que há maior grau de parentesco entre Crassostrea rhízophorae e Crassostrea brasiliana do que entre Euraphia rhizophorae e Crassostrea rhizophorae.
e) Lineu propôs a nomenclatura binomial que consiste em um nome genérico e um específico dos seres vivos, utilizando, como critério de classificação, o ambiente onde eles vivem.

Resposta: a alternativa correta:  Letra E

EEM Flávio Rodrigues COMENTA: O ambiente onde os animais vivem não foi o critério usado por Lineu para propor a nomenclatura binomial. A nomenclatura binomial foi proposta porque é mais fácil identificar um organismo através de dois nomes do que apenas um.
Ou...
Segundo Lineu o local onde vivem os organismos, por exemplo, não pode ser usado como critério principal de classificação, porque existem animais aéreos tão díspares como uma mosca, um morcego e uma gaivota.
O sistema de Lineu tinha como principal critério de classificação, o plano de organização corporal, isto é, a estrutura e a anatomia dos seres vivos.  Por isso foi considerado o primeiro sistema de classificação natural.


03ª Questão – Na organização de um sistema de classificação natural, devem considerar-se:

a) exclusivamente as semelhanças morfológicas entre os organismos.
b) exclusivamente os caracteres dos órgãos reprodutores.
c) os caracteres de vários órgãos escolhidos arbitrariamente seguindo o tipo de animal.
d) as condições ambientais em que vivem os seres de um mesmo ecossistema.
e) as relações de afinidade entre seres diferentes mas provenientes de ancestrais comuns.


EEM Flávio Rodrigues COMENTA:
A primeira tentativa de classificação foi realizada pelo filósofo grego Aristóteles (384-322 a. C.).  Ele trabalhou principalmente com animais e classificou várias centenas de espécies.  Ele dividia os animais em dois grandes grupos: animais com sangue e animais sem sangue.
Mas esse tipo de classificação, por ser artificial, isto é, utilizar critérios arbitrários, tem pouca aceitação.

O sistema de Lineu tinha como principal critério de classificação, o plano de organização corporal, isto é, a estrutura e a anatomia dos seres vivos.  Por isso foi considerado o primeiro sistema de classificação natural.

Mas, no sistema atual de classificação, além das semelhanças estruturais, hoje examinadas até níveis microscópicos, também são estudadas as semelhanças na composição química das proteínas e dos genes que constituem os seres vivos.

AGORA É SUA VEZ!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!! 

04ª Questão – Podem ser considerados como pertencentes à mesma espécie:

a) (    ) organismos muito semelhantes que podem cruzar-se, mas sempre dão origem a descendentes estéreis.
b) (   ) organismos muito semelhantes que vivem no mesmo lugar, mas não se cruzam.
c) (   ) organismos que, na natureza, podem
cruzar-se entre si, dando origem a descendentes férteis.
d)(   ) organismos que vivem no mesmo
ambiente e pertencem ao mesmo gênero.
e)(   ) organismos que são semelhantes, vivem
no mesmo ambiente e pertencem a gêneros diferentes.

05ª Questão – (UNB) Julgue os itens abaixo:

(    ) O nome científico das espécies expresso em latim permite a sua universalidade e a sua constância.
(    ) Na nomenclatura binária o primeiro nome, sempre iniciado por letra maiúscula, é o nome específico.
(    ) Duas plantas que pertencem à mesma família possuem mais afinidade do que se pertencessem ao   mesmo gênero.
(    ) O Reino Monera é formado por organismos procarióticos, enquanto que os Reinos Protista, Animalia e Vegetalia são formados por organismos eucarióticos.
(    ) A classificação dos animais reflete o parentesco evolutivo entre as espécies.
(    ) O conceito moderno de espécie esta baseado na capacidade de cruzamento com descendência fértil.

06ª Questão –Teprodactyluslabyrinthicus é um nome aparentemente complicado para um anfíbio que ocorre em brejos do estado de São Paulo. O que justifica o uso do nome científico em vez de, simplesmente, rã-pimenta, como dizem os pescadores, é que aquele:

a (   ) é mais conhecido que o nome vulgar.
b (   ) é usado da mesma forma no mundo todo.
c (   ) está baseado na língua inglesa, sendo de fácil pronúncia nos Estados Unidos.
d (   ) usa como base a língua alemã, sendo a mais falada na Europa.
e (   ) foi escrito pela primeira vez assim, por ser a única língua falada por seu criador, Lineu.

07ª Questão –O trecho a seguir foi escrito por um estudante de Biologia: “A família Canidae engloba cerca de 34 espécies; uma delas é a do nosso cão doméstico, canisfamiliaris”. No texto do estudante, o nome científico do cão, está escrito:
a) corretamente, porque no texto onde ocorre está destacado por meio de sublinhado ou de itálico.
b) incorretamente, porque deveria estar escrito em itálico e não sublinhado.
c) incorretamente, porque, além de estar destacado no texto, o nome do gênero deve ter inicial maiúscula.
d) incorretamente, porque, além de destacado no texto, gênero e espécie devem ter a inicial maiúscula.


AGORA É A VEZ DO PROFESSOR!!!!!!!!!

08ª Questão ( UFCE) Com relação à taxonomia, assinale a afirmativa incorreta.

a) Os sistemas modernos de classificação fundamentam-se na filogênese.
b) Os nomes científicos devem ser latinos ou latinizados.
c) O nome genérico pode ser escrito isoladamente.
d) A nomenclatura das subespécies é trinomial.
e) Os grupos taxonômicos principais são, em ordem decrescente: reino, filo ou ramo, classe, família, ordem, gênero e espécie.

Resposta: a alternativa correta  letra E

EEM Flávio Rodrigues COMENTA:
A ordem decrescente correta das unidades de classificação é reino, filo, classe, ordem, família, gênero e espécie. Observe que na alternativa e as posições da ordem e da família estão trocadas.

9ª Questão.. (UFPE - adaptado) Para estudar e compreender a variedade de organismos, em todos os ambientes, tornou-se necessário classificá-los e agrupá-los de acordo com suas características semelhantes. Sobre esse assunto, analise as alternativas a seguir.
1.
Atualmente a estrutura e anatomia dos seres vivos, a composição química das proteínas e dos seus genes são critérios utilizados na sua classificação.
2.
A teoria evolucionista estabelece que as diversas espécies de organismos existentes na Terra evoluíram a partir de ancestrais comuns, por modificação.
3.
A hierarquia taxonômica é na seqüência: reino, filo, ordem, classe, família, gênero e espécie.
4.
Musca Domestica é a grafia do nome cientifico de uma espécie de mosca.

Estão corretas apenas

a) 1, 2 e 4.
b) 1, 3 e 4.
c) 1 e 2.
d) 2, 3 e 4.
e) 2 e 4.

Resposta: a alternativa correta:  Letra C 

EEM Flávio Rodrigues COMENTA:  A afirmativa 3 está incorreta porque a hierarquia taxonômica correta é: reino, filo, classe, ordem, família, gênero e espécie.

A afirmativa 4 está incorreta porque a forma correta de escrever o nome da mosca doméstica é Musca domestica. O nome do gênero deve ser escrito com letra inicial maiúscula e espécie com letra inicial minúscula.

Nenhum comentário:

Postar um comentário